Para baixar o PDF ou obter a versão impressa, clique na imagem abaixo:Livro Desejável Mundo Novo - Baixe Aqui o PDFilustração: Claude Giordano
Deixe seu comentário sobre o livro no blog Desejável Mundo Novo

ricaspbr

 

O que é esta wiki?

Última modificação 07:47, 3 Fev 2011 por  lala

De $1

    “O futuro é fruto dos sonhos do passado e das escolhas do presente”  Lala Deheinzelin

    Nossa WIKIFUTUROS, é fácil de usar e forma o acervo de  Crie Futuros, um movimento que provoca a criação de visões de futuros desejáveis, que possam ser semeadas no imaginário, alimentando o futuro. Assim poderão mobilizar para ação, inspirar escolhas e identificar oportunidades.

    Na WIKIFUTUROS você acessa visões de centenas de pessoas que responderam à pergunta

    Se tudo fosse possível, que futuro eu desejaria?

    Você também:

    • cria e publica os seus próprios futuros desejáveis
    • edita, complementa e comenta futuros publicados por outras pessoas, agregando idéias, conteúdos e nuances
    • pode usar a plataforma para grupos de discussão e criação de base de dados sobre temas de interesse.
    • usa as Seções para contar ou conhecer informações importantes relacionadas ao tema Futuros.  
    • Numa palavra: você participa!

    A Wiki constrói conhecimento de forma colaborativa: usuários criam novos conteúdos ou transformam conteúdos existentes. Tal processo interativo e dinâmico gera um acervo que revela o conhecimento, características, história e potencial das comunidades e países dos usuários.

    Comece respondendo à pergunta: “Se tudo fosse possível, que futuro eu desejaria?”.

    Permita-se desejar, sem a preocupação de que suas idéias sejam viáveis ou plausíveis.

    Descole-se do presente e pense na premissa ‘se tudo fosse possível...’

    Não pense em criticar o presente, mas em Visualizar Soluções.

    Crie sua visão de futuro desejável. Colabore. Adicione.

    Crie o futuro!

    ArquivoTamanhoDataAnexado por 
     felicidade.jpg
    Sem descrição
    24.87 kB09:08, 5 Jul 2017Lorena Maria RodigheriAções
     unnamed (7).jpg
    Sem descrição
    86.71 kB09:22, 5 Jul 2017Lorena Maria RodigheriAções
    Imagens (0)
    Comentários (6)
    Vendo comentário 6 de 6: ver todos
    muito legal!!!!!
    Postado em 16:16, 15 Ago 2010 ()
    Felicidade é um estado de Ser de estar. A felicidade é sentida no momento presente, a todo momento, na simplicidade, naturalmente, sem esforço, a Felicidade é algo, uma sensação interna que brota na das entranhas tem como morada o Coração e se manifesta através de cada célula, cada fio de cabelo, no olhar, num sorisso, numa ação, numa palavra...
    Postado em 09:14, 5 Jul 2017 ()
    O Ego conhece a felicidade através de conceitos que foram introduzidos pelos pais, familia, escola, comunidade, religião, etc... do nascimento até a vida adulta. O Ego tem programas do que pode ser considerado felicidade. A Felicidade sentida pelo Ego é feita de instantes entre uma tragédia e outra. A felicidade doradoura só existe no coração, a morada do Amor. editado 09:21, 5 Jul 2017
    Postado em 09:20, 5 Jul 2017 ()
    A partir do momento em que tudo o que tem existência externa no qual o Ego acredita, não importando se é belo ou bruto, se, toda crença que o Ego possuir for convidado e entregue ao Amor presente no Coração, onde o julgamento inexiste, toda carga emocional se desfaz. O Ego continua tendo as lembranças como se fossem fotografias e fotografias é apenas o registro de um evento e sendo assim, é isenta de julgamentos.
    Postado em 09:31, 5 Jul 2017 ()
    A partir do momento em que o Ego, possuir um álbum de fotografias de todas as suas aventuras, experiências, etc... ao invés de possuir conceitos de bom, ruim, etc... a necessidade de julgar, perde o sentido. Quanto menos julgamentos o Ego emitir, menos sofrerá o efeito catastrófico dos programas internos. No momentos em que os programas internos feitos de dualidade e de conceitos perderem a importãncia, passam a serem desativados.
    Postado em 09:37, 5 Jul 2017 ()
    Imagine, poder circular pelo Teatro da Vida tirando fotos ao invés de usar os programas internos duais e julgadores? E isso é possível, basta mudar o olhar, o ponto de vista sobre tudo. editado 13:36, 5 Jul 2017
    Postado em 09:40, 5 Jul 2017 ()
    Vendo comentário 6 de 6: ver todos
    Faça o login para escrever um comentário.